// VINHETA FINAL DE ANO 2017 | FELIZ NATAL E ANO NOVO!

// PLAYLIST DO MÊS | DEZEMBRO // FERNANDO WISSE

NICHOLLE KRYSSIA | LIVROS | 'Dom Casmurro'

E hoje eu vim falar de uma obra da literatura brasileira, um clássico que tenho certeza que já ouviram falar bastante, mas mesmo assim irei explanar um pouco sobre. Do grande e reverenciado Machado de Assis, um consagrado autor nacional.



Estou falando de 'Dom Casmurro'. Tenho a certeza de que vocês que já passaram pelo colégio tiveram que ler (ou fingir) para a aula de literatura, quem ainda não passou pelo ensino médio provavelmente o terá como indicação. Para quem ainda não o leu eu digo que sim (!), vocês devem dedicar umas horinhas do seus dias para conhecer esta obra. A principio pode ser que achem uma chatice, mas não é, continuem.

Foi um dos primeiros livros que li quando comecei a minha jornada pelo mundo da literatura (começar com um clássico, hein?), parece mentira, mas não é. Aquele livro meio velho, que pertencia ao meu pai estava lá por casa e eu, que estava procurando um passatempo, decidi que ia lê-lo. Comecei. De início achei meio chato, meio monótono, mas optei por continuar, pois já que tinha lido sobre ele em alguns lugares, fui até o fim.

O livro conta a historia de dois jovens, Bentinho e Capitu, que há muito são vizinhos. Entre convivência e brincadeiras de criança eis que surge uma paixão (pois é, tinha que ter romance e paixão, né?). Esse carinho vai crescendo, só que existe um grande empecilho para que o desejo possa se concretizar e os dois possam enfim ficar (e se vocês quiserem saber que empecilho é esse, terão que ler o livro).

A trama é dividida entre a infância, juventude e fase adulta dos personagens, e assim o tempo passa. Bentinho e Capitu conseguem enfim ficar juntos e vencer o desafio que os separam, e é nesse ponto que a historia se torna mais interessante: eles se casam, vivem juntos, felizes e tem um filho.

A trama fica meio que confusa, complexa e mais interessante quando Bentinho começa a achar que sua amada está a lhe trair com o seu melhor amigo. Nesse momento o livro se torna mais misterioso, e confesso que quando o li me decepcionei e odiei-o, depois de algum tempo foi que pude entender que esse aspecto era o que deixava a história mais instigante e envolvente: o não saber se Capitu foi ou não uma adúltera, se seu melhor amigo o traiu entre algo mais.

'Dom Casmurro' foi inspirado em peças shakespearianas, trata de assuntos muito à frente de seu tempo, como o próprio adultério. A mulher é representada como formadora de ideias e opiniões, é possuidora de vontades próprias, o que para a época era bem moderno. Questões religiosas e crenças também serão abordadas nesta obra.

Embora sua leitura seja um pouco difícil por conta de palavras antigas e muitas que já não são mais nem utilizadas, é também bastante rica em detalhes. Recomendo que leiam e se deixem envolver por este clássico cheio de mistérios.

Boa leitura, beijos e até mais.


P.S.: Se você, leitor, tiver alguma curiosidade em relação a livros, ou quiser alguma indicação de obra ou autor, ou até mesmo desejar minha opinião a respeito de algum aqui, pode deixar neste post sua indicação e opinião, será um prazer interagir com todos.

Comentários