Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2015

// VINHETA FINAL DE ANO 2017 | FELIZ NATAL E ANO NOVO!

// PLAYLIST DO MÊS | DEZEMBRO // FERNANDO WISSE

_ Dois mil e dezesseis _

Imagem
Virada de ano é sempre período pra gente refletir sobre tudo que aconteceu e, principalmente, pensar no que deseja que aconteça no ano que chega. 2015 deu espaço para que tanta coisa acontecesse! Por isso, eu (Paulo Rossi), Tayla Ferreira e Nicholle Kryssia, que fazemos este blog, desejamos que 2016 te traga saúde, paz, felicidades e muitas alegrias. Nós estamos preparando novidades (maravilhosas!) e esperamos contar com sua companhia novamente no tempo que se aproxima.
Muito obrigado e Feliz Ano Novo!

RETROSPECTIVA | 2015 foi o ano dos espiões no cinema?

Imagem
Se junto à chegada de 2016 vem a quase certeza de que o ano provavelmente será marcado no cinema pelos filmes de super-heróis, talvez não restem dúvidas de que 2015 ficará marcado como o ano dos espiões.

Começando pelo primeiro, 'Kingsman - Serviço Secreto' foi lançado no final de janeiro no Reino Unido. Com um elenco espetacular, recheado de estrelas do naipe de Colin Firth, Samuel L. Jackson, Mark Strong, Michael Caine, Mark Hamill e o excelente novato Taron Egerton, o filme encontrou espaço de sobra para brilhar em 2015.
Cheio de ação, aventura, críticas, deboche e funcionando quase como uma releitura do gênero, o longa se tornou mais uma produção com a assinatura de Matthew Vaughn, brilhante diretor que já coleciona novos clássicos. Venceu NO NOSSO MELHORES DO ANO, na categoria 'BLOCKBUSTER'.
Na época em que estava em exibição, eu até escrevi sobre no Facebook: "Sobre Kingsman - Serviço Secreto: maravilhoso. Só podia ser adaptação de um livro do Mark Millar…

#RESENHA | CD | Willow Smith - 'Ardipithecus' é 'bagunçado'

Imagem
Will Smith parece tão egocêntrico quanto Kanye West quando se trata dos filhos. Pai de três, dois dos seus descendentes já se arriscaram na vida artística: Jaden, que insiste em (sabe-se lá porquê) atuar, fazendo péssimos longas ou, na melhor das hipóteses, derrubando aqueles que são até relativamente bons; e Willow, que desde nova virou um ícone fashion e há alguns anos vem lançando algumas canções.
Sempre flutuando entre as esferas do R & B e do pop, a cantora demonstra muita preocupação em criar 'conceitos'. Não à toa se tornou referência no quesito 'estilo'. Lançando de surpresa seu disco há alguns dias, certamente ainda não conseguiu o espaço que deseja. 
 Desde a concepção do título do CD, 'Ardipithecus' soa experimental demais. Esse parece ser um problema para Willow, que abandonou o sobrenome artístico Smith nesta nova fase. Talvez pressionada e sempre na busca pelo 'conceitual', até quando sua música sai absolutamente pop como no caso de …

#RESENHA | CD | Coldplay - 'A Head Full Of Dreams' é muito bom, mas 'morno'

Imagem
Em 2014, logo após lançar o sexto álbum de estúdio da carreira, o 'Ghost Stories', o Coldplay deixou claro que já tinha bastante material pronto para o disco posterior, assim como já vinha de um tempo gerando polêmicas acerca da ideia de que este seria o último, em ações que mais pareciam marketing do que declarações decentes. Um ano e meio depois, eis que surge o primeiro single, 'Adventure of a lifetime', do novo CD. Mais pop que nunca, mas ainda com um dos principais elementos que caracterizam a banda: a forte presença da guitarra, 'A Head Full of Dreams' chegou às lojas dividindo opiniões de críticos e fãs.
A própria 'Adventure of a lifetime' serve bem como modelo para o trabalho. Carregada por um potente riff de 'guitarra', há ainda espaço para percussão, uma bateria interessante e, para tristeza dos saudosos, elementos sintéticos. Este é o resultado de uma caminhada que o Coldplay já vem fazendo há alguns anos, e que desde o Mylo Xyloto p…

Liberado teaser da 'volta' de 'Orphan Black':

Imagem
A série, que chegará na sua quarta temporada em Abril, ganhou o seguinte vídeo:

MELHORES SÉRIES DE 2015 | VETERANAS

Imagem
Se 2015 foi um ano certeiro para novas séries, principalmente para a Netflix, que despontou com ótimos produtos, certamente teve como ponto forte as suas já veteranas. Muitas destacaram-se no ano por trazer tramas por vezes melhores que as das temporadas de estreia, ou por não perderem o fôlego na mudança de ano.
Começando por 'How To Get Away With Murder', que terminou sua primeira temporada de forma épica, com revelações, reviravoltas e um gancho enorme para a segunda, retornando de forma ainda maior, com direito a uma participação mais que especial de Famke Janssen, num personagem interessantíssimo, principalmente para a nossa Annalise Keating. O 'assassinato' desta vez, que deixou muitos boquiabertos ao final do primeiro episódio, ganhou novas dimensões a cada novo episódio e agora aguarda a volta da série em 2016 para encontrar seu desfecho. Muito FODA!

'Gotham' retornou na sua segunda temporada 10 vezes melhor, depois da troca de alguns nomes na equipe.…

#RESENHA | CD | Justin Bieber - 'Purpose', você vai ter que engolir, é um bom CD

Imagem
Desde que surgiu no mercado, Justin Bieber muito já viveu. Desde ídolo teen, passando por adolescente problemático e agora bad boy, o cantor soube como se manter, mesmo após tantos anos, no foco da mídia. Em 2015, após um tempo sem lançar músicas bem sucedidas comercialmente, eis que ressurge poderoso em seu novo álbum, 'Purpose'.
'Mark My Words' é um ótimo início para o disco e combina com a sonoridade proposta no trabalho. 'I´ll Show You', num casamento perfeito entre o pop e o R & B, lembra e muito o excelente 'The Beauty Behind the Madness' (CD), do The Weeknd. 'What Do You Mean?', primeiro single, se mostra uma agradável e acertada escolha. Entre o dançante e a 'baladinha', a faixa resume bem o álbum, que vai de encontro com as duas propostas, tendo parte bem agitada e outra mais intimista. Bem construída, a canção ainda usa de uma base que remete ao som de um relógio, tendo a partir daí sua harmonia adaptada. Criativo. E mais…

#RESENHA | TELEVISÃO | Após temporada vergonhosa, 'The Voice Brasil' chega ao fim num quase disparate aos ouvidos do público

Imagem
Poucos produtos feitos sob encomenda deram tão errados na televisão quanto a última temporada do The Voice Brasil, que chegou ao fim na noite de ontem, dia 25. Levar ao ar os musicais apresentados durante a grande 'Final', que foi de muitíssima baixa qualidade, soou quase como um disparate a quem estava em casa em plena noite de Natal.

Mas vamos começar pelo início. Sempre repleto de artistas no nível da excelência, o 'The Voice Brasil' antes era injusto ao propor escolher o melhor. Lógico que os artistas, mesmo que músicos, possuem mais de uma opção de vertente. Muitos podem ser exímios instrumentistas, outros cantores, outros compositores, por exemplo. Mesmo quando analisados sob uma mesma vertente, a da voz, ainda assim é bastante complicado e complexo eleger um 'melhor'. Vozes são diferentes. Timbres são diferentes, potências, extensões, impostações. Escolher um candidato 'superior' só funciona enquanto entretenimento e comércio mesmo.

Em 2015, poré…

Trailer novo de 'Deadpool'

Imagem
Como prometido, na madrugada deste Natal o novo trailer de 'Deadpool' finalmente foi lançado. Saca:

O filme ainda ganhou uma segunda versão desse trailer, mais pesada:


O longa estreia em 11 de Fevereiro.

TEXTO | Filhos únicos são egoístas. Mas sofrem.

Imagem
Filhos únicos são egoístas. E ao crescer, dividem-se em dois grupos: 1. Os donos do mundo. Tudo podem, tudo querem, são mimados, inconsequentes; 2. Sentem-se parte de nada. Solitários.
Há aqueles estranhos. Este texto baseia-se em casos estereotipados presenciados. Baseia-se em fábulas. Não há fundamento científico. Há liberdade. É belo, sincero, vivo, poético.
 Filhos únicos são egoístas. É assim que eles são criados para ser: egocêntricos. Não há outra maneira de se criar amor próprio ao não ser aceitando-se nesta condição. Mas há culpa também de quem os criam. Pensam sempre sofrer mais e ignoram o sofrimento alheio. Ora, todos sofrem. O sofrimento tem muitas faces. Fosse assim, ninguém reclamaria no mundo, porque ninguém sofreu mais que os torturados do holocausto ou do nazismo, por exemplo. Ou há de haver dor maior do que a que estes sofreram? Talvez? Pais que sacrificam-se em prol de seus filhos únicos também precisam saber: alimentam o egoísmo. Por dois fatores: 1. Tendem a m…

FELIZ NATAL!

Imagem
Eu (Paulo Rossi), Tayla Ferreira e Nicholle Kryssia desejamos a você um ótimo Natal, cheio de alegria, , saúde e muita paz!

"Legends Of Tomorrow' ganha novo comercial

Imagem
A nova série, que estreará em 21 de Janeiro, ganhou um vídeo nos moldes dos anos 70. Saca:

'Batman vs Superman' ganha comercial japonês!

Imagem
No vídeo, um momento em que o Batman provoca o Superman é mostrado: "Vou ensinar a você o que significa ser um homem'.


O longa, que será dirigido por Zack Snyder, chega ao cinemas brasileiros em 24 de março de 2016.

RESULTADOS | MELHORES DO ANO | por votação popular

Imagem
A gente pediu há mais de um mês a ajuda de vocês para, juntos, elegermos os melhores do ano. Lembram? Pois bem, as enquetes foram colocadas aqui na lateral direita do blog e os resultados já saíram. Vamos conferir:

     // MÚSICA
Começando pela categoria INDIE / ROCK / ALTERNATIVE, tivemos em PRIMEIRÍSSIMO LUGAR, com 14 votos, o 'Currents', da banda australiana Tame Impala. Ivens já falou sobre o disco AQUI.

Em segundo, um empate entre 'Beneath the Skin', do Of Monsters and Men; 'Wilder Mind', do Mumford & Sons; 'Fortaleza', do Cidadão Instigado; 'The Magic Whip', do Blur (Júlio Pedro o elegeu como melhor do ano AQUI); 'Drones', do Muse; e (ufa!) 'Music Complete', do New Order. Todos com 6 votos.

Em terceiro, 'A Praia', de Cícero; e 'English Graffiti', do The Vaccines (Ivens também falou sobre este disco na lista dele). Ambos com 5 votos.

O restante você pode conferir agora:








Para as pessoas que votaram aqui no…

Novos cartazes de 'A Saga Divergente: Convergente'

Imagem
O filme estreia em março de 2016.


MELHORES SÉRIES DO ANO | ESTREIAS | 'Wayward Pines' e 'Sense8' redimem as carreiras de seus diretores após sucessivos fracassos

Imagem
           WAYWARD PINES


     Responsável por trazer à tona novamente um cineasta brilhante, que teve sua carreira posta à prova depois de alguns fracassos, Wayward Pines se mostrou uma grata surpresa de 2015 não só por levantar de novo  M. Night Shyamalan (a gente falou sobre o último filme dele AQUI) como também por proporcionar ótimos momentos ao telespectador, que podia se deleitar com uma história de suspense de altíssima qualidade capaz de fugir (e muito!) do lugar-comum.
     A trama gira em torno do agente Ethan Burke, que após sofrer um acidente, surge num hospital de Wayward Pines. A história é baseada numa coleção de livros, escritos por um apaixonado por Twin Peaks - o que inclusive gerou à Pines fortes comparações com a série de 1990 -, e começa a ganhar cores a partir do momento descrito no início do parágrafo. Tudo na cidade é estranho e Ethan, do serviço secreto americano, começa a desconfiar. Os telefones não funcionam bem, os moradores não parecem agir com naturalida…